Maison

Fogão x Cook Top, qual escolher?

Se você está reformando sua cozinha e busca o fogão ideal para compor o ambiente, você precisa conhecer as diferenças entre um fogão e um cook top. O espaço disponível tem muito a contar para essa escolha, já que o cook top é ideal para cozinhas planejadas e oferece um design moderno, por ter o forno separado da mesa e em oposição ergonomicamente mais confortável para o usuário. O fogão, que pode ser facilmente embutido, também se integra ao projeto da cozinha com um toque profissional, como veremos a seguir.

Diferenciais do Cook Top

Existem vários modelos de cook top, o que permite escolher um que se encaixa perfeitamente a sua necessidade. O modelo de inox a gás lembra um fogão convencional, salvo pela diferença de não ter o forno na mesma peça. É elegante, com a qualidade do aço inox e proporciona aproveitamento dos espaços no móvel abaixo da bancada graças ao seu isolamento térmico, que permite embutir com apenas 1 cm de distância em relação ao móvel.

O modelo TH11 GX4 da Tecno por exemplo possui quatro diferentes tamanhos de queimadores, que oferecem maior amplitude entre as potências máxima e mínima da chama.

O modelo vitrocerâmico elétrico possui um design ainda mais refinado, já que não possui grades e tem transmissão de calor de alta performance com até nove níveis de calor, além de timer para desligamento e painel acionado por toque com trava para crianças.

O modelo THV 70 da Tecno vem com zonas de aquecimento em dois formatos, redondo e oval, ideais para o uso de panelas grandes e caçarolas.

O Cook top Inox a gás da Bertazzoni modelo QB 36 6 00 X é equipado com 6 queimadores profissionais modelo Sabaf II a gás em latão, que oferecem amplas variações de chama para se desfrutar de deliciosos resultados em todos os tipos de receitas. Seu potente queimador Dual Flame possui acendimento sequencial das chamas internas e externas oferecendo potência de 480 W a 5.000 W para transformar grandes receitas em saborosos momentos gastronômicos. A mesa em inox não poroso, selada sem frestas e as grades com esmalte anti-aderente são fáceis de limpar, mantendo uma aparência impecável do cook top em cozinhas integradas à outros ambientes.

Os cook tops são ideais quando seu projeto arquitetônico precisa de estratégias para otimizar os espaços, separando a mesa de cozinhar do forno para encaixar melhor e proporcionar amplitude na cozinha, sem perder qualidade no preparo dos alimentos.

Escolhendo um Fogão

Os fogões, que já vem com forno que podem ser a gás ou elétrico, oferecem a possibilidade de, em um único produto, assar vários pratos, entre doces e salgados, e cozinhar com até seis queimadores em alta potência. Possuem um design profissional e podem ser facilmente embutidos, já que todos os modelos não tem a necessidade de frestas de ventilação junto aos móveis, integrando-se perfeitamente ao planejamento da cozinha.

Procure escolher um fogão com forno ventilado e função turbo, que mantém a temperatura igual em todas as prateleiras e assa de forma homogênea e rápida. Existem fogões que possuem dois fornos, aumentando a possibilidade de preparar simultaneamente receitas com tempos, temperaturas e forma de cozimentos diferentes, como o modelo RLVD96MFTE/CI – linha Dolcevita da Lofra.

Nas opções com forno elétrico destaca-se o modelo Pro 90 6 MFE S XT da Bertazzoni que oferece churrasqueira com grill infravermelho, programador digital e sonda de temperatura que controla o ponto ideal de preparo medindo a temperatura interna dos alimentos.

Agora que você já sabe a diferença entre fogão e cook top, pode escolher qual se adapta melhor ao planejamento da sua cozinha, sem perder a possibilidade de uma atraente combinação entre elegância, estética e sofisticadas refeições com resultados gastronômicos deliciosos para impressionar sua família e amigos.