Maison

5 dicas na hora de projetar a iluminação da cozinha

5 dicas na hora de projetar a iluminação da cozinha

Na hora de pensar o projeto de iluminação de uma cozinha, é muito importante se atentar a disposição do espaço, cor da pintura, estilo e modelo dos móveis, presença de luz natural e entre outros fatores que envolvem o ambiente. Só depois de analisar bem cada projeto, é hora de criar com expertise. Mas antes, veja só algumas dicas, tendências e novidades do ramo que separamos para vocês. Confira a seguir:

Valorize ao máximo a iluminação natural
A luz natural sempre será a mais importante em um projeto. Saiba valorizá-la e utilize-a o máximo que puder para depois investir em iluminação artificial.

Invista em iluminação pontual
Foco é a palavra-chave quando o assunto é iluminação. Busque utilizar spots e feixos de luz para realçar espaços pontuais e garantir mais acolhimento ao ambiente. Lembre-se que spots podem ser inseridos embaixo de armários para facilitar o uso de pias e manuseio dos alimentos.

Use pendentes com cuidado
Recomenda-se o uso de pendentes em cozinhas mais amplas e sobre as bancadas para integrar a cozinha à sala.

Aposte em fitas de LED para iluminar prateleiras, armários e bancadas
As queridinhas do momento, as fitas de LED podem ser instaladas na parte debaixo de armários e prateleiras ou ainda no interior dos móveis para facilitar organização e manuseio de alimentos e utensílios.

Escolha a mesma temperatura de cor em cozinha integrada à sala
Escolha a luz de acordo com o objetivo de cada ambiente. Se o primordial é conforto, a luz amarela é a mais adequada. Contudo, para mais praticidade, as luzes brancas são aconselháveis, já que elas ajudam na identificação das cores dos alimentos e na identificação de sujeiras.

Essas foram as dicas da semana. Para mais novidades e informações, continue nos acompanhando!